Pinel

Zé Geraldo

Compositor: Birú / Daniel Cabana / Osmar Sabiá

Um bando de jovens abrindo as manhãs
São brancos, são negros, são todos iguais
Tal qual um pomar onde as frutas se encontram
Se cruzam, fecundas, se tornam casais
A manhã se encontra com o entardecer
É o sorriso na boca do céu feito cor
Um só prato alimenta o lobo e a ovelha
É o milagre que marca os dias de amor

Olhando as pessoas com olhos de anjo
O louco se sente um feliz animal
Tão livre, tão solto, tão puro, tão leve
Despido do medo, da ira e do mal
É que as mãos do amor são brancas, macias
Assim como os lírios que brotam do chão
Não há quem abriu a cortina do peito
Que tenha esquecido a cor da paixão

Meu caminho de nuvens brancas
Meu caminho de nuvens brancas

©2003- 2018 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital